Para quem o uso do Viagra não é recomendado

A sobredosagem ou uso indevido da concentração diária pode causar efeitos colaterais indesejáveis. Viagra tem uma lista bem definida de contraindicações e os efeitos negativos aparecem em situações esporádicas e episódios únicos.

O uso deste fármaco não é recomendado para quem tem doença cardíaca ou renal, arritmia cardíaca, cirrose hepática, deformação do pênis, alergias específicas aos componentes que fazem parte dos ingredientes e às pessoas que sofrem de baixa ou alta pressão.

O óxido de nitrogênio no fármaco pode ter efeitos adversos nos processos metabólicos. Além disso, o Viagra reforça o efeito negativo que os nitratos podem ter no nosso corpo.
Por esta razão, a droga não é recomendada para aqueles que já estão tomando fármacos contendo óxido nítrico e nitratos.

Além disso, o Viagra mole não é recomendado para homens com 60 anos ou mais, já que seu corpo é mais sensível aos efeitos adversos do fármaco. Pessoas de certa idade são aconselhadas a usar uma dose a cada 2 dias.

O fármaco também não é recomendado para homens que tiveram um derrame ou ataque cardíaco nos últimos 6 meses.
É categoricamente proibido usar o fármaco para adolescentes que não atingiram a maioridade e para as mulheres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *